São Paulo, Brasil
11 94475-7767
pazeluz@monjabiancatoffani.com

A Jornada de Monja Bianca

ATMA HEALING

A JORNADA DA MESTRA ACHÁRYA DA ESCOLA ATMA HEALING 

Sua trajetória em poucas palavras

Infância

 Monja Bianca nasceu, de acordo com o calendário védico, no horário sagrado do Brahma Muhurta (antes do nascer do sol). Em um dia de jejum cheio de energia, chamado Papavimochani Ekadasi.

 Já nasceu com as faculdades mediúnicas desenvolvidas, sendo assim, ela pode ser considerada uma médium de nascimento. Desde o berço via vultos, falava uma língua que poucos entendiam, tinha uma inteligência e um raciocínio rápido, além do normal.

Nascida em uma família católica, filha de uma mãe formada em música e línguas e um pai ex seminarista formado em direito e jornalismo, ela teve uma infância pautada por perdas prematuras.

Primeiramente, sua irmã menor se foi quando ela tinha apenas 7 anos de idade (a irmã tinha somente 1 ano a menos que a Bianca, faleceu com 6 anos). Posteriormente, o pai se foi em um acidente de trabalho quando ela tinha 13. Por consequência, sentiu-se muito desorientada espiritualmente sobre “o que era esta vida na verdade”. Por isso, a menina Bianca muito cedo foi buscar respostas para suas profundas indagações.

Adolescência

 Desde então, com 13 anos de idade, mergulhou profundamente no estudo de práticas espirituais. Como forma de canalizar sua sensibilidade aos 15 anos já fazia leitura de oráculos como Tarot de Marselha e Runas, para os próximos de forma informal.

 Também estudava Angeologia, Numerologia e Cabala. Desde esta época, nunca mais parou os atendimentos e estudos, buscando por respostas profundas sobre Deus, energia, destino, missão, renascimento e eternidade.

 Dessa maneira, Bianca Toffani frequentou e estudou diversas religiões brasileiras, de outros países e de antigas civilizações. Desde os 18 anos fez muitas viagens e peregrinações à lugares sagrados, como: Jerusalém em Israel vendo de perto o local de missão de Jesus. Também foi ao Cairo e região no Egito atraída pela antiga civilização e seus mistérios. Além de conhecer  Athenas e Ilhas da Grécia, o berço da civilização Greco Romana – e, ainda vários lugares na Europa, Índia e Brasil.

Formação e Vida Adulta

 Com 22 anos, agregou ao seu trabalho espiritual atendimentos com Reiki, Meditação, Terapia com Cristais e Mantras. Com 28 anos tornava-se Mestra em Reiki (Reiki Master) e aos 30 anos recebeu iniciação de seu Mestre Espiritual tornando-se brâmane (sacerdote) na cidade de Calcutá (Índia). Nessa ocasião, iniciou sua formação de Monja na ancestral sagrada Linhagem Védica em Yoga Bhakti, ramo mais elevado do Yoga baseado em conexão divina através de estudo filosófico e o serviço a Deus de forma integral.

 Seu nome espiritual é Shivanandini, que se traduz em: filha querida de Sri Shiva. Pela ancestral cultura védica, cabe aos brâmanes os dons de cura natural energética e o aconselhamento. Além da consulta aos oráculos, a transmissão da sabedoria e a guia espiritual no caminho da ascensão.

 Em 2006, aos 31 anos, iniciou sua jornada na mídia, quando começou a conceder entrevistas na POATV, Canal 06 NET POA, Porto Alegre. Possuía três exibições semanais, além de presença constante em vários meios de comunicação. Nesses meios, transmitia sabedoria obtida por sua ampla experiência para milhares de pessoas.
Neste sentido, durante sua formação como Monja morou por quatro vezes em Ashrams (monastérios) na Índia. Neste lugar, dedicava-se ao estudo e prática da filosofia védica do Yoga, do serviço à Deus, ao Mestre e à comunidade carente da região de Calcutá.
Com 33 anos, há dez anos, Bianca Toffani tornou-se monja, renunciando seus interesses pessoais. Abriu mão do seu casamento e propriedades particulares. Fez uma série de votos com o fim de ajudar a expandir a Consciência Divina na Terra.
Desde então, é autoridade no assunto. Hoje totaliza mais de 500 palestras/aulas sobre o Bhagavad Gita e mais de 6 mil atendimentos personalizados. Além de 10 mil alunos iniciados em técnicas de controle energético e meditação, nos últimos 10 anos.

Sua missão

  A Mestra Monja Bianca Toffani conta que sua missão é ajudar as pessoas sem conotação religiosa. Sua manutenção pessoal é feita através de seu trabalho, portanto, ela não costuma pedir doações ou algo do gênero. A monja não representa nenhuma religião ou templo em específico. Após sua formação, ela segue sua missão de vida voltada a ajudar a iluminar as pessoas e conectá-las com o Supremo, que habita no coração de todos os seres.
 Mesmo sendo extremamente qualificada, elogiada por seus mestres internacionais, grandes estudiosos e dentro das organizações que se fez presente por sua grande seriedade, retidão e capacidade de realização, Monja Bianca é uma pessoa simples e generosa, passando seu conhecimento profundo em auxílio, dentro da realidade daqueles que a procuram.

Estilo de Vida

Monja Bianca busca levar uma vida ativa e feliz com o pensamento elevado. Assim, faz da sua jornada neste mundo, uma oportunidade de poder ajudar todos os seres.

“Meu propósito não é converter pessoas à uma linha específica, mas ajudar a todos dentro das suas realidades a terem uma vida mais feliz, plena e iluminada.”  

  Estruturando seu trabalho em São Paulo capital, ela atende executivos, empresários, empreendedores, buscadores de autoconhecimento, terapeutas, médicos, entre muitos outros. Auxilia-os a guiar suas vidas buscando mais felicidade e satisfação em todos os aspectos. Em seu canal: Monja Bianca Toffani TV, no YouTube, distribui muito do que aprendeu em vídeos curtos sobre Filosofia Védica aplicada e Controle Energético no intuito de ajudar os buscadores sinceros.
“Minha meta é ajudar você dentro da sua realidade a evoluir em todos os aspectos. Estou aqui para ajudar no seu caminho, independente da forma de Deus que você acredite e se dedique.”  
 
   Monja Bianca não come carnes por amor aos animais. Ela também está livre de vícios nocivos como beber, fumar ou usar qualquer tipo de droga ou alucinógeno. Sempre lembramos que nada disso foi imposto à ela. Por decisão e determinação próprias, tudo foi feito em busca de qualificação, em virtude de seu amplo estudo e vivência na área energética. Ela sabe a importância de uma vida purificada para uma sacerdote e mestra em cura energética como ela.

Filosofia de Vida

 

    Ela diz:
“O melhor mestre é aquele que ensina através de seu próprio exemplo, achárya em sânscrito. Nada supera o exemplo. Portante, se um mestre não ensina pelo exemplo ele é chamado de imitador pela filosofia védica. Não precisamos de mais imitadores neste mundo, precisamos de pessoas realmente dedicadas e sinceras em seus propósitos que vivenciem aquilo que ensinam e sigam evoluindo ajudando as pessoas”.
“Quanto mais sutil é o corpo, maior é a capacidade de captação e transmissão de energia pura. Mas sempre gosto de lembrar que bom coração, pureza de propósito e retidão de caráter são imprescindíveis para quem quer distribuir luz e sabedoria.” 
 
“Somos Atma, Almas, muito mais que corpos temporários. Precisamos despertar nossa essência divina e revelar nossa essência aqui na terra. Contem comigo nesta jornada.”
 

    A querida Monja Bianca leva em seu coração e representa a mensagem da fraternidade entre os seres. Dessa forma, ela prega a não violência, o amor divino e universal, o respeito e a vida feliz com pensamento elevado. Sua meta é levar harmonia, saúde à níveis físico, mental, emocional e energético às pessoas. Baseia seus ensinamentos em autocuidado, renovação, elevação da consciência e energia – refletindo no todo.

Seja muito bem-vindo!

Namastê!